Tiroteio fecha Linha Vermelha no Rio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 20 de novembro de 2002 as 23:44, por: cdb

Mais uma vez o trânsito da Linha Vermelha foi interrompido por causa de um tiroteio entre policiais e traficantes. O fato ocorreu nesta madrugada, perto do cruzamento com a Linha Amarela. Duas horas antes, a empresária Jane Selma Moraes havia sido baleada ao tentar fugir de um assalto na Linha Amarela.

Assaltos e tiroteios têm se transformado numa rotina nas duas vias expressas, que ligam as zonas norte e oeste do Rio, além da Baixada Fluminense. O trecho preferido dos criminosos é o cruzamento das linhas, na altura do complexo da favelas da Maré, na zona norte.

Só nesse cruzamento houve 16 trocas de tiros entre policiais e traficantes desde o início do ano. No mês passado, a Linha Amarela foi interditada cinco vezes para garantir a segurança dos motoristas.

O comandante-geral da PM, coronel Francisco Braz, disse que o policiamento está reforçado na região desde o dia 15, quando o Bope (Batalhão de Operações Especiais) ocupou o cruzamento. Mas, segundo ele, não há como impedir que, “eventualmente, criminosos desafiem a polícia”.

O coronel aconselhou a população a continuar passando pelas vias, com atenção redobrada, e não resistir a abordagens. “A Polícia Militar consegue recuperar um bem, mas não a vida”, disse Braz.

Segundo policiais do 22º BPM (Batalhão de Polícia Militar), o tiroteio começou à 1h, quando traficantes da Vila do Pinheiro atiraram contra inimigos do vizinho morro do Timbau. PMs do Bope, que ocupam o Timbau, entraram na troca de tiros. Não houve feridos, mas um carro da PM foi atingido por balas de fuzil na lataria e no vidro traseiro.

Assalto

Duas horas antes, a empresária Jane Selma Soares, 35, foi baleada durante uma tentativa de assalto na Linha Amarela. Ela está internada no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) do hospital Barra D’Or (Barra da Tijuca, zona oeste). Segundo os médicos, a empresária está consciente, em estado grave, mas estável. Ela foi baleada no tórax duas vezes.

De acordo com policiais civis da 21ª DP (Delegacia de Polícia), a empresária acelerou para escapar de dois assaltantes que estavam numa moto. Ela foi abordada na altura do viaduto Oswaldo Cruz, sobre a avenida Brasil, na pista sentido Barra da Tijuca.

Na semana passada, os cantores Sandy e Júnior escaparam de uma falsa blitz armada por assaltantes de carros na Linha Amarela. A deputada estadual Graça Pereira (PT do B) e seu marido, o vereador Jorge Pereira de Souza (PFL), foram assaltados duas vezes na madrugada de quinta-feira na mesma via expressa.