Tiroteio fecha Av. Niemeyer

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 11 de junho de 2003 as 09:58, por: cdb

A polícia ocupou durante a madrugada desta terça-feira o Morro do Vidigal, na Zona Sul do Rio, onde um tiroteio provocou a interrupção do tráfego de veículos, por 10 minutos, na Avenida Niemeyer.

A interdição do trânsito, de acordo com os policiais, tinha o objetivo de impedir que populares fossem vítimas de balas perdidas durante o confronto. Tudo começou com uma perseguição dos policiais do 23º BPM (Leblon) aos ocupantes de um Vectra preto. Os bandidos, armados com fuzil, subiram o Morro do Vidigal em alta velocidade e desapareceram. Logo a seguir, os policiais foram atacados a tiros, revidaram e chamaram reforços.

A pista da Niemeyer foi liberada para o trânsito à meia-noite e 10 minutos e o tiroteio no alto do morro se estendeu por mais meia-hora. Um menor, L.R.S., 15 anos, foi ferido com um tiro de raspão no pescoço e a polícia suspeitou do envolvimento dele com os bandidos. Depois de levá-lo ao Hospital Miguel Couto, os policiais encaminharam o garoto para a Delegacia de Proteção À Criança e ao Adolescente (DPCA), no Centro do Rio.

Com reforço de equipes do Comando de Policiamento da Capital (CPC) os policiais do batalhão do Leblon permaneceram no morro até às 3h50, quando o Vectra ocupado pelos bandidos foi recuperado pela equipe comandanda pelo capitão Felipe, do CPC, depois de intensa troca de tiros, que assustou os moradores das proximidades. O veículo, roubado pelos bandidos, foi apreendido e levado para a 15ª DP (Gávea), onde o caso foi registrado.