Testemunhas de fiscais negam conivência com esquema de corrupção

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 30 de junho de 2003 as 19:14, por: cdb

Duas testemunhas de defesa dos fiscais Carlos Eduardo Ramos e Rodrigo Silveirinha, dois dos 24 acusados de envolvimento no esquema de corrupção da Secretaria de Fazenda do Rio de Janeiro, afirmaram nesta segunda-feira, em depoimentos na 3ª Vara Criminal Federal, que adotaram providências assim que tomaram conhecimento das denúncias.

O secretário de Finanças, Mario Tinoco, e o ex-secretário de Fazenda, Fernando Lopes, disseram que os fiscais foram imediatamente afastados de suas funções, foi aberta sindicância e o fato notificado ao Ministério Público.

O atual secretário de Segurança Pública e ex-governador Anthony Garotinho não tem data marcada para depor. Como secretário de Estado, Garotinho quer escolher dia e hora para prestar depoimento como testemunha de defesa dos fiscais.