Tesouro contrata pagamento adiantado da dívida externa

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 28 de dezembro de 2005 as 13:09, por: cdb

O Tesouro Nacional já contratou em mercado a compra de US$ 5,646 bilhões para pagar o serviço da dívida externa em 2006, de um total de US$ 11,5 billhões, informou o Banco Central nesta quarta-feira. Segundo o diretor de Política Econômica do BC, Afonso Bevilaqua, no primeiro semestre de 2006 vencem US$ 7,533 bilhões. O Tesouro pode contatar a compra de dólares até seis meses antes da data de vencimento da dívida.

O dólar subia nesta quarta-feira de poucos negócios no mercado à vista, justamente na expectativa de atuação do Banco Central na penúltima sessão do ano. Às 12h34 o dólar era vendido a R$ 2,354 reais de 0,64%.

– Hoje é um dia totalmente atípico – disse o gerente de câmbio do Banco Prosper, Jorge Knauer.

Na terça-feira, o Banco Central interrompeu uma sequência diária de leilões de compra de dólares no mercado à vista que vinha desde o dia 1o de novembro. Como resultado, a divisa abandonou uma valorização superior a 1% e fechou praticamente estável. De acordo com um operador de um grande banco, que pediu para não ter seu nome revelado, o motor nas mesas de câmbio é disputa entre os que apostam que o BC retomará os leilões no mercado à vista e os que acreditam que a autoridade monetária seguirá a mesma postura da véspera.

No final da manhã, o Banco Central divulgou projeção que coloca as reservas internacionais em US$ 53,8 bilhões no final deste ano. Na segunda-feira, as reservas eram de US$ 53,2 bilhões.

– Mas o mercado já está em ritmo de ano novo – constatou o gerente de câmbio da Corretora Liquidez, Francisco Carvalho.