Tem início as aulas da segunda turma de soldador

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 as 14:03, por: cdb

Tem início as aulas da segunda turma de soldador

Edite: “Duque de Caxias possui demanda para profissões como esta”

Começaram nessa segunda-feira, 27 de fevereiro, as aulas da segunda turma do curso de soldador oferecido na Unidade de Educação para o Trabalho (UNET) do bairro Centenário. Presente a aula de abertura, a presidente da Fundação para Desenvolvimento Tecnológico e Políticas Sociais (FUNDEC), Edite Viana, falou com os alunos, incentivando-os nessa nova empreitada e apresentando as vantagens que terão naquela unidade, fruto de uma parceria entre a FUNDEC e o SENAI.

“Este curso é fruto do compromisso do prefeito José Camilo Zito com os moradores de Duque de Caxias em oferecer novas opções de inserção no mercado de trabalho. E o município, que está se tornado um polo de petróleo e gás, possui com uma demanda reprimida de trabalhadores de profissões como esta”, disse Edite para os novos alunos, que destacou o fato de vários formandos da primeira turma já estarem empregados, inclusive em estaleiros da Petrobras. “Vocês vinte foram os que conseguram maior pontuação entre os 176 inscritos para a prova de admissão. Aproveitem a chance”, concluiu Edite.  

O curso é gratuito, ministrado de segunda a sexta-feira, das 18h às 22h. Os alunos ganharão uniforme e terão acesso aos laboratórios da unidade, que se encontram entre os melhores do Brasil e já servem de referência para novas instalações do SENAI. O certificado que os alunos ganharão possui chancela do SENAI e é reconhecido em 142 países, garantindo a qualidade do curso realizado e facilitando o acesso deles ao mercado de trabalho. Além do curso de soldador, a UNET Centenário também oferece cursos de caldeireiro, encanador industrial e montador de estruturas metálicas.

Marcelo Freire Pereira, de 48 anos, e morador do bairro Senhor do Bonfim, estava animado por ser um dos novos alunos do curso. “Estava trabalhando com comissão em vendas, mas queria algo mais estável. Vi o prefeito Zito anunciando este curso na inauguração de uma obra e resolvi procurar mais informações. Fiz inscrição no concurso, passei na prova e agora estou aqui”, disse Marcelo que já havia tentado fazer esse curso antes. “Procurei o SENAI, mas o curso lá é muito caro para mim. Esse é o mesmo curso, dado com os mesmos professores e equipamento de qualidade do SENAI e sai de graça”, ressaltou.

Marcelo: curso gratuito com a mesma qualidade e professores do SENAI

Texto: Viniicus Marins

Fotos: Everton Barsan

Palavras-chave

UNET Centenário, SENAI, Petrobras, Senhor do Bonfim.