Telecheque avisa: Borrachudos pós-folia já chegaram

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 24 de abril de 2006 as 23:27, por: cdb

Soberania
Aumenta a campanha para internacionalizar a Amazônia. O comissário de Comércio da União Européia, Peter Mandelson, propõe que se recorra a organismos internacionais para frear a destruição de “um bem público mundial”, advertindo que o “Brasil tem que responder pela grave destruição da floresta amazônica”. O assunto é delicado. Os países desenvolvidos poluem o meio ambiente à vontade, mas culpam o Brasil pelo efeito estufa. Todo cuidado é pouco.

Transplantes
A Sociedade Britânica de Transplantes acusa a China de manter um mercado de órgãos humanos para transplante, que estariam sendo retirados de prisioneiros executados. A acusação é reiterada uma semana depois de o governo chinês ter negado tal prática. É mais um retrato da democracia à chinesa.

Pedágios
O governo vai lançar o Programa de Concessão, para leiloar mais de 3 mil km de rodovias no Sul e Sudeste. A iniciativa significa o reconhecimento que o poder público fracassou em sua missão de manter as estradas. A tarefa passará agora à iniciativa privada, que cobra – caro, muito caro – por serviços prestados.

Sem fundos
Levantamento do Telecheque confirma a pesquisa da Serasa e mostra que o volume de cheques sem fundos apresentou forte alta em março. Subiu 37,13% em relação a março de 2005. Na comparação com fevereiro de 2006, a elevação foi ainda maior: 57,38%. Motivo, como este ano o carnaval caiu no final de fevereiro, os borrachudos só estouraram em março.