Tarifas bancárias variam em até 500%

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 9 de outubro de 2003 as 15:12, por: cdb

Pesquisa realizada pela Fundação Procon de São Paulo indica que as instituições bancárias reajustaram os preços de seus produtos e serviços em níveis bem superiores aos praticados no começo do ano. O levantamento constatou também diferenças de tarifas que ultrapassam 500%. A pesquisa foi feita nos dias 8 e 9 de setembro em 12 instituições financeiras com a análise de 41 produtos e serviços, dos quais 20 foram comparados às tabelas fixadas nos dias 6 e 7 de março deste ano.

No Bradesco, por exemplo, o correntista está pagando 50% a mais pela manutenção de conta inativa, cuja tarifa passou de R$ 10,00 para R$ 15,00. A maior diferença entre os preços cobrados para a manutenção anual do cartão magnético (conta comum e especial) atingiu 522,22%. No HSBC este serviço está em R$ 84,00, maior valor encontrado, enquanto no BBV, custa R$ 13,50.

O diretor executivo da Fundação Procon, Gustavo Marrone, alerta que o consumidor deve sempre estar atento às vantagens e desvantagens de se optar por um dos pacotes específicos oferecidos pelos bancos. Segundo ele esclarece, por meio de nota,”alguns desses pacotes incluem uma determinada quantidade de serviços e produtos com um limite de uso que nem sempre fica muito claro para o consumidor”. Diante disso, recomenda ao usuário sempre conferir a cobrança/débito em seu extrato bancário e consultar o gerente no caso de dúvidas.