Taiwan se ofende com anúncio de vodca

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 25 de dezembro de 2002 as 23:48, por: cdb

Uma gigante do ramo de bebidas, a Diageo, pediu desculpas após causar indignação com a campanha publicitária de sua vodca Smirnoff.

A campanha publicitária, que debocha da fama de Taiwan de oferecer produtos baratos, fez com que autoridades da ilha considerassem um insulto e uma discriminação o pôster veiculado na Grã-Bretanha.

Os cartazes que foram colocados no metrô de Londres em 16 de dezembro e começou a ser retirado pela Diageo em 19 de dezembro, após receber as reclamações, tinha abaixo da imagem de um presente desembrulhado uma legenda afirmando:

“Atenção. Esse presente quebrará na manhã de Natal. Peças de reposição estão disponíveis no serviço de atendimento ao consumidor, caixa postal nº 260, Taiwan. Entrega em 365 dias úteis”.

Um porta-voz da embaixada de Taiwan, Weili Yang declarou que empresários taiuaneses ficaram irritados com a mensagem discriminatória do anúncio.

“A propaganda foi vista pela imprensa e o governo de Taiwan, gerando grande preocupação porque insulta nossos produtos”.

“Esse cartaz não deveria ter sido aprovado. Adotaremos medidas de imediato para evitar que algo semelhante se repita”, afirmou um porta-voz da companhia, visando a ilha como grande mercado para Johnny Walker e J&B, duas marcas de uísque da Diageo.