Sul-coreanos não acreditam em ameaça nuclear da Coréia do Norte

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 17 de outubro de 2003 as 01:14, por: cdb

A ameaça da Coréia do Norte de revelar um ‘meio de intimidação nuclear’ em um momento apropriado parece ser uma nova tentativa da nação comunista de chamar a atenção dos Estados Unidos, disseram autoridades sul-coreanas nesta sexta-feira.

Em comentários publicados na última quinta-feira pela agência oficial KCNA, um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Coréia do Norte disse que o país encerraria o debate sobre sua capacidade nuclear se os EUA adiassem uma solução para o impasse que já dura um ano.

– Num momento apropriado, a Coréia do Norte tomará uma medida para tornar público seu meio de intimidação nuclear como uma força física e então não será necessário ter mais algum argumento – disse o porta-voz, notando que algumas pessoas duvidam da capacidade nuclear da Coréia do Norte.

O comunicado de quinta-feira, o primeiro em que a Coréia do Norte faz uma ameaça pública, não explica claramente como a Coréia do Norte mostraria seu poder de intimidação.

Em Seul, o conselheiro de segurança nacional do presidente Roh Moo-hyun disse que a Coréia do Norte está tentando criar obstáculos nas futuras negociações.

– Parece que a Coréia do Norte está jogando com uma carta de negociação. Eles estão tentando obter vantagem na próxima rodada de negociações multilaterais – disse Ra Jong-yil em um comunicado emitido pelo gabinete do presidente.