Subdiretor da Polícia é assassinado em Bagdá

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 10 de janeiro de 2005 as 06:35, por: cdb

Um grupo de homens armados assassinaram a tiros nesta segunda-feira o brigadeiro Amer Ali Naif, um dos subdiretores da Polícia em Bagdá, quando saía com seu filho de sua casa no bairro de Al-Dura, segundo fontes policiais.

As fontes apontam que às 08:30 hora local (03:30, horário de Brasília), quatro homens que se encontravam em um veículo abriram fogo contra o brigadeiro e seu filho, também capitão da Polícia iraquiana na capital.

– O filho morreu no ato e o pai quando a ambulância o levava ao hospital. – disse um porta-voz da Polícia.

A mesma fonte revelou que, também na manhã desta segunda, dois policiais iraquianos foram baleados até a morte por um grupo de pistoleiros no bairro de Wassas, noroeste de Bagdá.

O porta-voz policial confirmou, além disso, que outro grupo de homens armados invadiu neste domingo o domicílio do brigadeiro Abud Khalaf al-Hadri, e o assassinou a tiros.

Al-Hadri, que residia no bairro de Al Jadra, no oeste da capital, era vice-secretário geral do Movimento de tribos iraquianas.

Os grupos de insurgentes do Iraque colocaram entre seus objetivos prioritários as forças de Segurança iraquianas e os funcionários do governo interino, a quem acusam de “colaboracionistas”.

Seu objetivo declarado é perturbar o processo de transição, expulsar as tropas americanas e impedir as eleições gerais previstas para 30 de janeiro.

Vários grupos já demandaram o adiamento das eleições diante da onda de violência que sacode o país, e que desde o início do ano custou a vida de mais de uma centena de pessoas.