Soldados feridos, já sem risco de vida, voltam à Alemanha

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 8 de junho de 2003 as 09:56, por: cdb

Um dia após o atentado com um carro-bomba contra um ônibus do contingente alemão nas tropas de paz do Afeganistão, os 29 soldados feridos já não correm mais perigo de vida e estão sendo transportados para a Alemanha. No até agora pior atentado contra soldados alemães no exterior, um carro bomba explodiu na manhã de sábado em Cabul, matando quatro soldados. Seus corpos devem ser trasladados ao país na terça-feira.

O ministro alemão da Defesa, Peter Struck, disse ter indícios de que se pode tratar de um atentado do grupo terrorista Al Qaeda. Já o serviço alemão de informações considera possível que o líder pashtu Gulbuddin Hekmatyar esteja por trás do ato terrorista, pois há algum tempo ele teria ameaçado banir do Afeganistão as forças internacionais de paz – das quais os alemães participam – para assumir o controle do país.