Sharon passa bem após ter sofrido derrame leve

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 19 de dezembro de 2005 as 09:39, por: cdb

O primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, está se submetendo a mais exames médicos nesta segunda-feira depois de haver sofrido um leve derrame no domingo, de acordo com comunicado oficial de seu gabinete. Sharon, de 77 anos de idade, deverá permanecer hospitalizado em Jerusalém por pelo menos mais dois dias. Falando a jornalistas israelenses por telefone, Sharon disse que ainda é cedo para mencionar sua substituição como primeiro-ministro. O partido que governa o país, o Likud, que Sharon abandonou no mês passado para formar uma nova agremiação política, está realizando eleições para um novo líder nesta segunda-feira. O ex-premiê Binyamin Netanyahu é tido como favorito, seguido de perto pelo ministro do Exterior, Silvan Shalom.

Um correspondente da BBC em Jerusalém disse que Sharon, no cargo há cerca de quatro anos, sofre forte pressão desde que deixou o Likud antes das eleições no país, programadas para março. Há relatos de que o líder palestino Mahmmoud Abbas teria entrado em contato com o gabinete de Sharon para expressar seus votos de rápida recuperação. Funcionários do hospital e assessores do primeiro-ministro contaram que ele permaneceu consciente e que conversou e fez brincadeiras com seus familiares horas depois da internação. O médico do primeiro-ministro, Boleslav Goldman, negou relatos iniciais de que Sharon teria perdido os sentidos. O vice-primeiro-ministro Ehud Olmert deve assumir as funções de Sharon caso ele não consiga desempenhá-las quando deixar o hospital. Seus assessores, no entanto, dizem que isso não será necessário.