Serra insiste em debates com Lula

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 18 de outubro de 2002 as 21:44, por: cdb

O candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, disse hoje que o candidato do PT, Luiz Inácio Lula da Silva, usa estratégia de “ocultar” o que irá fazer em seu governo. Segundo Serra, Lula evita o debate e a comparação, “como se o Brasil pudesse ser governado com fantasia, com críticas, com marketing e maquiagem”. Pouco depois de participar de almoço político em Porto Alegre (RS), Serra afirmou que é importante a comparação de idéias e desafiou Lula a debater.

“Os ataques e críticas ao governo Fernando Henrique vêm sendo feitos há meses com a maior virulência”, declarou. “Por que então não debater comigo?”, questionou. Serra disse que Lula participava de debates “quando era três contra um”. Agora “que é um a um, por que não ir?”, indagou.

O candidato tucano afirmou que não está atacando o PT, mas “mostrando a realidade”. Ele disse ter entendido o motivo da ausência de Lula nos debates depois que assistiu ao encontro dos candidatos ao governo de São Paulo na televisão. “Porque, evidentemente, ou não tem o que dizer ou não quer abrir o jogo de posições, ou as duas coisas, o que é o mais provável”, declarou.

No almoço, Serra contou com o apoio do ministro da Agricultura, Pratini de Moraes, que foi um dos organizadores do encontro. Serra esteve acompanhado da candidata a vice em sua chapa, Rita Camata, e do aliado Germano Rigotto (PMDB-PSDB-PHS), que disputa o governo gaúcho.