Seqüestradores dos oito chineses fazem nova proposta à China

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 21 de janeiro de 2005 as 08:52, por: cdb

Insurgentes que ameaçaram matar oito chineses no Iraque disseram na sexta-feira que tratarão os reféns “com misericórdia” se a China proibir todos os cidadãos chineses de entrar no Iraque.

Os oito foram capturados no começo da semana. O governo da China pediu às autoridades do Iraque que não poupem esforços para garantir a libertação deles.

– Pedimos a seu governo que emita um comunicado proibindo os cidadãos chineses de entrar no Iraque e isso será considerado um gesto positivo e nos fará olhar com misericórdia para os detidos. – afirmaram os insurgentes em um vídeo obtido pela <i>Reuters</i>.