Senador critica atitude irônica de jornalista que depõe na CPMI do Cachoeira

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 27 de junho de 2012 as 12:10, por: cdb

O senador Pedro Taques (PDT-MT) cobrou respeito do jornalista Luiz Carlos Bordoni, que presta depoimento na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investiga as relações entre o contraventor Carlos Cachoeira com agentes públicos e privados.

A manifestação de Taques ocorreu depois que Bordoni respondeu de forma irônica a uma pergunta do senador Álvaro Dias (PSDB-PR).

Dias perguntou se é verdade que Bordoni fora abduzido por extraterrestres, conforme suposta entrevista concedida pelo jornalista. Bordoni respondeu afirmativamente. “Sim. Estive em outros planetas, com todas as pessoas que passaram essa informação pro senhor. Elas estavam todas muito bem.”

Taques cobrou que o presidente interino da comissão, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), advertisse o depoente que ele pode ser encaminhado à POlícia Federal se desacatar os parlamentares.

A comissão está reunida na sala 2 da ala Nilo Coelho, do Senado.

Continue acompanhando esta cobertura.

Tempo real:13:22 – Jornalista abre sigilos telefônico, fiscal e bancário à CPMI do Cachoeira12:38 – Jornalista reafirma que Cachoeira pagou por serviço feito à campanha de Perillo11:46 – CPMI pedirá proteção de pessoas envolvidas na investigação de Cachoeira11:45 – Ex-chefe de gabinete de Perillo se recusa a depor11:44 – CPMI convoca depoente para realizar perícia médica no Senado11:31 – CPMI adia decisão sobre liberação ou não de testemunhas que não vão depor10:47 – CPMI discute o que fazer quando convocado se recusar a depor09:43 – CPMI do Cachoeira ouve jornalista que trabalhou na campanha de PerilloReportagem – Rodrigo Bittar
Edição – Newton Araújo