Sarney: combate ao crime organizado é ‘prioridade absoluta’

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 25 de março de 2003 as 12:41, por: cdb

O presidente do Senado, José Sarney, defendeu a ampliação dos gastos com segurança no Orçamento da União, porque o combate ao crime organizado deve ser encarado por todos como “prioridade absoluta”.

“O governo, o Congresso, a sociedade devem se conscientizar de que este é um investimento que a sociedade tem que fazer, com grande sacrifício, mas que é necessário para a segurança, pois nada é pior do que uma sociedade insegura”.

Sarney propôs a reabertura da discussão sobre a chamada Lei Fleury, que permite que os que cometem crimes de homicídio se defendam em liberdade.