São Paulo terá Festival de Juventude contra a Guerra

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 21 de março de 2003 as 16:23, por: cdb

Neste sábado, a partir das 12h30, o Comitê de Juventude Contra a Guerra ao Iraque realizará um grande festival de música. Sob a insígnia “Aqui Bush não toca!”, o Festival de Juventude Contra a Guerra levará para o palco uma miscelânea de gêneros musicais para todos os gostos.

Bandas alternativas de rock, mpb, rap, hardcore, punk rock, reggae e grupos de percussão, oriundos de várias regiões do Estado de São Paulo mesclam a programação do Festival.

O Comitê de Juventude contra a Guerra, criado no final do ano passado, em São Paulo, reúne mais de 30 entidades estudantis, jovens organizados em partidos, em núcleos, e também independentes – mas que estão contra a guerra. O grupo tem participado ativamente de várias atividades, levado a discussão sobre a guerra para escolas, núcleos e bairros da periferia, além de ter ajudado na mobilização e preparação das duas manifestações contra a guerra que aconteceram em São Paulo, em fevereiro e março.

A expectativa dos organizadores com a realização do Festival, que reserva outras atividades e surpresas, é mobilizar os jovens contra a guerra que o governo norte-americano deflagrou, com o apoio dos governos da Inglaterra e Espanha, contra o Iraque, nesta quinta-feira. Fazer barulho, organizado, sem violência, mas que reverbere e transponha os limites das fronteiras do Brasil.

“Sabemos que hoje é o petróleo o alvo do governo ianque, amanhã poderá ser nossa biodiversidade, água, riquezas culturais, nossa vida (nossa e de nossos irmãos latino-americanos), por isso é importante que consigamos realizar ações de grande envergadura para parar essa guerra e também impedir mais massacre e mais terrorismo ianque”, analisam os organizadores.

O “Festival de Juventude contra a Guerra – Aqui Bush não toca!” será neste sábado, 22 de março, a partir das 12h30, na Praça da Sé, centro, São Paulo.