São João de Meriti em debate sobre a discriminação racial

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 25 de março de 2012 as 22:15, por: cdb

Subsecretaria de Imprensa

São João de Meriti em debate sobre a discriminação racial

No Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial (21), um encontro cultural e reflexivo com jovens afrodescendentes debateu os impactos do legado do Massacre de Shaperville: 52 Anos Depois… Avanços e Desafios da Luta Pela Eliminação da Discriminação Racial, episódio marcante de racismo em 1960. A atividade, realizada pela Prefeitura de São João de Meriti, por intermédio da secretaria municipal de Direitos Humanos e Igualdade Racial – SEMDHIR, aconteceu na Casa da Cultura – Centro de Formação Artística e Cultural da Baixada Fluminense, parceira do evento.
“A reflexão sobre o Massacre de Shaperville levanta aspectos fundamentais de conhecimento histórico e cultural, orientando os jovens quanto a busca de um futuro diferenciado”, mencionou a secretária da SEMDHIR, Leila Regina.
Na abertura do encontro, um coral recebeu os convidados que também puderam assistir à uma apresentação de capoeira. Além do tema debatido em mesa, houve ainda o lançamento do Espaço Literário Lélia Gonzalez.
Oficinas de Penteado Afro, Indumentária Afro com exposição de roupas confeccionadas ao longo do curso, e de Culinária Afro e da Padaria Escola entreteram os participantes. As amostras estão ligadas aos programas EnegreSer e F@rol, desenvolvidos pela SEMDHIR e voltados para a profissionalização e inclusão de jovens negros em situação de vulnerabilidade e para a difusão da cultura afrodescendente. Os dois projetos têm como parceiros a Fundação Cultural Palmares e a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial.
Entre as autoridades presentes, participaram do evento o subsecretário estadual de Desenvolvimento Econômico Solidário, Eugênio Soares; o membro-articulador da Comissão Estadual de Combate a Intolerância Religiosa, Ivanir dos Santos; a coordenadora do Memorial Lélia Gonzalez, Ana Maria Felippe, e o presidente de honra da Casa da Cultura Jorge Florêncio.

Publicado em: 21/03/2012