Santistas da seleção brasileira vão jogar contra o Peixe

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 18 de novembro de 2003 as 03:30, por: cdb

Todos os santistas que estão na Seleção Brasileira Olímpica confessam que será estranho enfrentar o Peixe nesta terça-feira, às 21h, na Vila Belmiro. Mas enquanto Paulo Almeida diz que vai apenas cumprir a obrigação no amistoso, Alex garante estar sentindo-se constrangido.

Vai ser muito diferente. Se fizer um gol, não vou comemorar, não. Acho que vou baixar a cabeça e voltar para a defesa – afirma o zagueiro, dizendo que jamais festejaria contra a equipe que lhe deu chance de chegar à Seleção Brasileira.

E chances de marcar são reais para o beque. Ele foi um dos que mais treinaram cobranças de falta nos treinos comandados por Ricardo Gomes. Com 17 gols, é o defensor com mais gols nos 91 anos de história do Santos.

Se balançar as redes, Robinho vai comemorar, sim senhor. Principalmente para gozar os companheiros de equipe e cumprir uma promessa feita na última semana.

– Vou celebrar. Acho que vou correr no banco do Santos e abraçar o Pedrinho (Santili) – disse, referindo-se ao auxiliar-técnico de Leão.

O treinador não ficará no banco de reservas. Prefere comandar o time das cadeiras sociais.

O Rei do Drible provocou insistentemente o zagueiro André Luís. Disse que iria fazer a festa em cima do colega. Mas se o fizer, será só no segundo tempo, já que a dupla de zaga titular será formada por Pereira e Narciso.

Este último será titular pela primeira vez, na Vila Belmiro, desde novembro de 1999. A festa feita para o piloto Michael Schumacher, este ano, não conta… Que as pedaladas sejam contra Narciso, então, afirma o atacante, agora da Seleção.

– Vou jogar em cima dele até para ajudá-lo a entrar em forma porque temos um jogo importante no final de semana contra o Fluminense – lembra o camisa 7.

Robinho não perdoa nem o fato de que Narciso está voltando somente agora ao futebol, depois de ter lutado contra leucemia e pela recuperação física para voltar aos gramados.
 
– Ele (Narciso) já está bom. Pedalada cura – jura o atacante, colocando pimenta no amistoso.