Saddam aparece em gravação para TV

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 22 de março de 2003 as 23:51, por: cdb

A televisão estatal do Iraque causou nova polêmica sobre o paradeiro de Saddam Hussein ao divulgar imagens do presidente participando de uma reunião com assessores. A emissora afirmou que a filmagem foi feita neste sábado, mas não apresentou qualquer prova.

Na gravação, Saddam diz estar satisfeito com o desempenho dos soldados iraquianos desde que os Estados Unidos e seus aliados lançaram o primeiro ataque contra o Iraque, na quarta-feira à noite.

A principal dúvida que a fita revela é que Saddam parece diferente da imagem do presidente iraquiano veiculada há dois dias pela mesma TV estatal do país.

Na gravação divulgada neste sábado, Saddam está igualmente de uniforme militar, mas os cabelos parecem mais escuros e a ausência de óculos confunde o espectador. O presidente seria mais novo do que o homem do videoteipe anterior.

Segundo a emissora, também participaram da reunião um dos filhos de Saddam, Qusay, o vice-presidente iraquiano, Taha Yassin Ramadan, o vice-primeiro-ministro, Tariq Aziz, e os ministros da Informação, Mohamed Said al Sahaf, e da Defesa, Sultan Hashim Ahmed.

A reunião aconteceu em uma sala modesta, sem janelas, com as características de um abrigo subterrâneo.

Nos dois últimos dias, os palácios presidenciais de Saddam em Bagdad foram o principal alvo dos bombardeios dos norte-americanos e seus aliados – especialmente na sexta-feira, quando a capital foi atingida por mais de 1.000 mísseis.

Desde o início da guerra, Saddam foi outras duas vezes à TV para mostrar que continua vivo, apesar de os ataques terem visado residências de sua família.

Os Estados Unidos questionaram a veracidade das gravações e até mesmo uma ex-amante de Saddam entrou na polêmica, afirmando que o homem na segunda gravação de quinta-feira era um dos muitos sósias do presidente.