Sacolas plásticas deixam de ser distribuídas nos supermercados

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 24 de janeiro de 2012 as 17:18, por: cdb

A partir desta quarta-feira (25), as sacolinhas plásticas não serão mais distribuídas nos supermercados da cidade, em função de acordo neste sentido entre a Apas (Associação Paulista de Supermercados) e o governo do Estado. A prefeitura, por meio da Semam (Secretaria de Meio Ambiente), também aderiu à campanha.

A edição do último sábado (dia 21) do Diário Oficial de Santos publicou termo de cooperação técnica entre a administração municipal e a Apas, visando esclarecer os consumidores sobre soluções sustentáveis para substituir as sacolinhas.

O plástico pode levar de 100 a 300 anos para se decompor. O descarte inadequado causa prejuízos ambientais, prejudicando a fauna, principalmente os animais marinhos, além provocar o entupimento de bueiros, o que afeta a rede de drenagem. “Ir ao mercado com um carrinho de compras ou uma sacola retornável é uma mudança cultural. Assim como é separar o lixo orgânico do reciclável. Mas estamos confiantes cada vez mais na adesão das pessoas à coleta seletiva e práticas sustentáveis”, disse o secretário de Meio Ambiente, Fábio Alexandre de Araújo Nunes.

A Apas instalou junto ao Aquário, na Ponta da Praia, uma sacola reutilizável de mais de quatro metros, criada pela Attack Intervenções Urbanas e pelo artista plástico Eduardo Srur. Com isso foi lançada uma promoção para os internautas: ‘Sua foto vale uma ecobag’. Os 100 primeiros que registrarem as esculturas e enviarem a imagem para as redes sociais da campanha (Facebook: www.facebook.com/sacolasreutilizaveis e Twitter www.twitter.com/@reutilizesacola receberão o presente.