Rooney tem ‘uma tremenda habilidade’, diz Pelé

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 23 de junho de 2004 as 18:17, por: cdb

O jovem atacante inglês Wayne Rooney, que está disputando a Eurocopa pela seleção inglesa, recebeu elogios de Pelé – o jogador com quem ele vem sendo compardo pela imprensa inglesa.

Pelé disse que Rooney demonstra “tremenda habilidade com ou sem a bola”. E acrescentou ter certeza de que “com ele, a Inglaterra tem chances de ir muito bem”.

Os elogios de Pelé, publicados pelo jornal inglês The Sun, foram feitos pouco após o técnico da Inglaterra, Sven Goran Eriksson, ter afirmado que Rooney é jovem jogador que teve o maior impacto em uma competição importante desde Pelé em 1958.

Na primeira vez em que disputou uma Copa do Mundo pela Seleção Brasileira – a de 1958 – , Pelé tinha 17 anos de idade. Rooney, que está fazendo sua primeira competição pela Inglaterra, tem 18 anos.

O tricampeão brasileiro acrescentou ainda que Rooney é “um grande talento, que joga de forma empolgante e que mostra maturidade e compostura acima de sua idade”.

Pressão

Pelé comentou ainda que Rooney deve tomar cuidado com a imensa pressão que o jovem jogador irá sofrer.

“Certamente há muito mais pressão sobre um jovem jogador como Rooney, hoje em dia, do que na época em que eu comecei a jogar pelo Brasil. Lidar com isso, é algo que ele precisará aprender”, afirmou.

O ex-jogador disse ainda esperar que Rooney possa “se concentrar em seu próprio desempenho e a pressão que ele venha a sofrer, seja a pressão que ele próprio queira sofrer”.

Scolari

Luiz Felipe Scolari, técnico da seleção de Portugal, que enfrenta a Inglaterra nesta quinta-feira, elogiou Wayne Rooney, mas fez ressalvas.

“É um grande jogador, que está muito em alta, mas que não joga sozinho. Ele faz parte de uma equipe e uma equipe muito pelo organizada pelo Eriksson”, disse o treinador.

Scolaria ainda acrescentou que Rooney não é a sua principal preocupação na partida de quinte-feira.

“Com todos os atributos que possui, com todas as qualidades que possui, a nossa principal preocupação é a Seleção da Inglaterra”, afirmou.