Ronaldo Lessa admite irregularidades na Educação

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 23 de outubro de 2003 as 12:44, por: cdb

O governador de Alagoas Ronaldo Lessa (PSB) admitiu a existência de contratos irregulares e distorções em despesas efetuadas pela Secretaria Executiva de Educação durante seu governo.

Segundo Lessa, os problemas relacionados à pasta têm tirado seu sono. Ontem, Lessa deu-se um prazo de 72 horas para anunciar medidas que, segundo ele, irão corrigir erros cometidos por sua equipe de governo.

“Assumo a culpa. O Estado errou porque assumiu compromissos que não podia pagar e tenho que corrigir imediatamente. Não vou permanecer em erro, doa em quem doer”, afirmou ele, pouco antes da solenidade de posse dos novos secretários no salão de despachos do Palácio Floriano Peixoto. A Secretaria da Educação de Alagoas deve cerca de R$12 milhões a funcionários e fornecedores. Parte dos pagamentos, além de atrasados, integram uma lista de contratos irregulares que Lessa promete investigar.