Ronaldo comemora demissão do técnico da Internazionale

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 20 de outubro de 2003 as 12:57, por: cdb

O atacante Ronaldo, do Real Madrid, não pensou duas vezes antes de comentar a demissão do técnico Hector Cuper, que deixou a Internazionale depois do empate por 2 x 2 com o Brescia, no sábado, pelo Campeonato Italiano.

O atacante brasileiro, que alegou divergências com o treinador argentino para deixar o clube de Milão em 2002, disse estar muito feliz com o fato de Cuper ter sido demitido pelo presidente Massimo Moratti.

“Estou feliz. A demissão é boa para o clube e para os torcedores, porque com o Cuper a Inter perdeu muito, sobretudo no ataque”, disse o atacante, após receber, neste domingo, o prêmio de melhor jogador íbero-americano do Campeonato Espanhol.

Com a saída de Cuper da Inter, parte da imprensa espanhola já começa a especular sobre um possível retorno de Ronaldo ao clube italiano. Isso porque, apesar dos gols marcados na Espanha, Ronaldo nunca recebeu dos torcedores do Real Madrid o mesmo carinho que tinha na Inter.

O brasileiro, porém, nega qualquer intenção de deixar o Real. “Quero ganhar muitos títulos por aqui e, por ora, não penso em voltar para a Itália”, afirmou.

Para o lugar de Hector Cuper, a Inter já anunciou a contratação de Alberto Zaccheroni, ex-treinador do Milan e da Lazio. Ele deve dirigir a equipe já na partida do próximo domingo, contra a Roma, pelo Campeonato Italiano.