Reservatórios da Região Nordeste chegam a níveis críticos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 17 de outubro de 2001 as 18:06, por: cdb

O nível dos reservatórios nas hidrelétricas da região Nordeste, nesta terça-feira, segundo avaliação do Operador Nacional do Sistema, estava a 10,21% de sua capacidade. O número representa 1,58 ponto percentual além da curva-guia definida como margem de segurança para a continuidade do fornecimento de energia hidrelétrica.

Chuvas melhoram situação no Sudeste

Nas regiões Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Sul, os níveis dos reservatórios estão com mais folga. No Sudeste e Centro-Oeste, os reservatórios estavam ontem com 21,42% de sua capacidade, 6,99 pontos percentuais acima da curva-guia. Nas regiões Norte e Sul, os níveis estavam a 45,41% e 96,28%, respectivamente.

As chuvas de outubro estão ajudando a afastar definitivamente o risco de apagões no Sudeste e Centro-Oeste e indicam que o racionamento deverá mesmo ser atenuado em dezembro nas duas regiões. Nos oito primeiros dias do mês, as precipitações já estão 60% acima do previsto pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) para esta época do ano.

Até a 0h de hoje, havia chovido 120% da média histórica de outubro. Com isto, os reservatórios do Sudeste já estão com 21,12% de suas capacidades cheias. Isto representa 5,55 pontos percentuais acima do nível mínimo de segurança – margem praticamente impossível de ser revertida para que o plano B do racionamento, com seus apagões e feriados semanais, seja acionado.

A média de economia de energia no Centro-Sul nos oito primeiros dias do mês ficou em 17,1% na comparação com o consumo verificado entre maio e julho do ano passado. A meta estipulada pela Câmara de Gestão da Crise de Energia Elétrica é de 20%.