Relatora retira pontos polêmicos para aprovar MP dos tablets

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 6 de setembro de 2011 as 10:22, por: cdb

Foi iniciada há pouco a Ordem do Dia do Plenário. A relatora da Medida Provisória 534/11, deputada Manuela d’Ávila (PCdoB-RS), está explicando neste momento as mudanças no relatório feitas entre ontem e hoje, fruto de um acordo para que a MP seja votada. A MP reduz a zero o PIS e a Cofins incidentes sobre a venda de tablets produzidos no Brasil.

A deputada disse que desistiu de algumas partes que havia incluído no relatório. Eram mudanças sobre o Centro de Excelência em Tecnologia Eletrônica Avançada (Ceitec), a reestruturação da Finep e incentivos adicionais para empresas na Zona Franca de Manaus.

A relatora negociou com o governo a apresentação de uma nova MP, em até 60 dias, sobre o Ceitec – uma empresa pública federal com sede em Porto Alegre que fabrica semicondutores e chips. “Essa empresa é muito importante, e o governo reconhece que precisa haver mudanças no seu funcionamento”, disse.

Até o momento, faltam 15 deputados para atingir o quórum necessário para votações, e por isso os deputados estão apenas discutindo as mudanças. Caso não seja atingido esse quórum, a votação não poderá ser feita nesta manhã.

Continue acompanhando esta cobertura

Tempo real:12:23 – Marco Maia anuncia acordo para votar a MP dos tablets08:40 – Câmara vota MP dos tablets hoje; alterações no texto são questionadasÍntegra da proposta:MPV-534/2011Reportagem – Marcello Larcher
Edição – Wilson Silveira