Refém suíço é libertado pelas Farc

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 3 de julho de 2003 as 05:01, por: cdb

O presidente da ONG “Mãos pela Colômbia (Manos por Colombia)”, Florent Arnold, de nacionalidade suíça, foi libertado ontem pelas Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia), depois de ter sido seqüestrado na véspera perto de Mandomo, informou o coronel Pedro Benavides, chefe da polícia de um município vizinho.

Florent Arnold e seu colega de trabalho, um colombiano, foram liberados após pressão de 400 índios de uma comunidade localizada a cerca de 560 km de Bogotá, precisou um outro policial, sem se identificar.

– Arnold está bem. Ele foi liberado graças à pressão das comunidades indígenas. Sabemos que outro senhor que havia sido seqüestrado com ele também foi liberado – disse o chefe de polícia.

O suíço, de 51 anos, que assiste as comunidades indígenas de Cauca, foi seqüestrado com o colega terça-feira à tarde na zona rural de Mandomo, segundo as autoridades.