Reconstrução do Iraque será discutida por 78 países

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 19 de outubro de 2003 as 13:43, por: cdb

O lançamento de um programa de reconstrução do Iraque devastado pela guerra, por uma gestão desastrosa e por uma década de sanções da ONU vai reunir na próxima quinta-feira em Madrid 78 países e 19 organizações internacionais.

Um estudo do Banco Mundial (BM) e das Nações Unidas avalia em cerca de 30.000 milhões de euros o valor necessário para a reconstrução do país entre o período de 2004 a 2007, em 14 setores prioritários. Só para o ano de 2004, as necessidades estão avaliadas em 9.000 milhões de euros.

À margem desta estimativa, a Autoridade Provisória da Coligação (APC) no Iraque avaliou o gasto de 20.000 milhões de euros só nos setores fundamentais, como a segurança ou a indústria petrolífera, o que faz elevar o total das necessidades iraquianas até 2007 a cerca de 50.000 milhões de euros.

Face à incerteza sobre a importância das contribuições a obter, os organizadores espanhóis da conferência, tal como os responsáveis norte-americanos, avançam com prudência.”O nosso maior sucesso será quando os iraquianos partirem de Madrid convencidos de que a comunidade internacional estará com eles nos esforços de reconstrução”, disse, sem citar números, Earl Anthony Wayne, assistente para os assuntos econômicos do secretário de Estado norte-americano.