Receita das empresas de tecnologia catarinenses cresce 39%

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 14 de dezembro de 2001 as 19:47, por: cdb

O faturamento de 63 empresas de base tecnológica de Santa Catarina cresceu 39% este ano em relação a 2000, registrando um volume de R$ 129,4 milhões, de acordo com pesquisa realizada pela Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate). No setor, houve ainda um aumento de 27% na geração de empregos, subindo de 1.120 no ano passado para 1.429.

“Os dados atestam um crescimento contínuo e destacado do setor de tecnologia de ponta em Santa Catarina, num ano em que a indústria nacional cresceu, em média, apenas 3,8% até setembro”, afirma o presidente da entidade, Alexandre d´Avila da Cunha. O desempenho positivo, diz ele, deve-se à excelência da produção tecnológica catarinense, ao grau de inovação, a competitividade de seus produtos e à conquista de novos mercados, nacionais e internacionais nas áreas de hardware, software e serviços.