Queda no desmatamento derruba mito sobre Amazônia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 28 de novembro de 2012 as 13:50, por: cdb

O menor desmatamento da Amazônia já registrado na história derruba o mito de que era impossível impor a presença do Estado Brasileiro na região. Os números mostram que essa presença na Amazônia Legal não é só possível, mas também necessária.

E foi assim que, a partir do governo Lula, os dados mudaram, impedindo o desmatamento generalizado que ocorria até então.

 

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), entre agosto de 2011 e julho de 2012, foram derrubados 4.656 km² de floresta. Uma redução de 27% em relação ao período anterior, com 6.418 km² degradados. É o menor número desde o início da série histórica, em 1988.

 

“É a menor taxa de desmatamento da história. Tem o grande marco que é jogar o desmatamento abaixo dos 5 mil quilômetros quadrados”, afirmou a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira.

 

É claro que não podemos apenas comemorar os dados. É preciso consolidar a presença do Estado na Amazônia Legal e as políticas públicas que levem o desmatamento ilegal até a meta zero.

Comments are closed.