Quatro jogadores brasileiros vão embora em vôo fretado

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 1 de abril de 2004 as 04:45, por: cdb

A Seleção Brasileira não participou da entrevista coletiva depois do final da partida. Os paraguaios não trocaram os painéis publicitários que ficam atrás dos entrevistados e os brasileiros se recusaram a participar.

A negativa foi bem recebida principalmente pelos atletas que precisavam sair dos vestiários e ir direto para o aeroporto. Era o caso, por exemplo, de Edmílson e Juninho Pernambucano que tinham à sua disposição um avião fretado pelo Lyon para levá-los de volta à França.

Como caronas dos dois estavam os craques Ronaldo e Roberto Carlos. Eles queriam voltar o mais rápido possível para a Espanha e receberam o convite para viajarem no mesmo vôo.