PSDB e PFL fecham acordo e lançam prefeito de Caxias à sucessão estadual

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 4 de agosto de 2001 as 11:55, por: cdb

A reunião que durou até o início da noite de ontem, em Duque de Caxias, selou a paz entre o PSDB de Marcello Alencar e o PFL de César Maia. Ambos concordaram em que o prefeito de Duque de Caxias, José Camilo Zito, concorra à sucessão do governador Garotinho, com o deputado federal e atual secretário do governo municipal Eduardo Paes como vice na chapa da coligação.
O alvo, segundo um dos integrantes da reunião, é o atual governador, Anthony Garotinho, que deve levar o nome de sua mulher, Rosinha, às urnas em 2002, como sua sucessora. “Hoje Garotinho tem o PMDB na mão e manobra com o PSB da forma como quer”, avalia o político. Com a chance real de o atual presidente da Assembléia Legislativa do Estado, Sérgio Cabral Filho, assumir o governo a partir do ano que vem, “ficou ainda menor o espaço de Zito dentro daquela legenda”.
A permanência do prefeito de Duque de Caxias nos quadros peemedebistas não foi superior a cinco meses:
– Mas foi tempo suficiente para saber que uma força de oposição a Garotinho, no Rio, passa necessariamente pelas fileiras do PSDB e do PFL – afirmou a fonte.