Protestos na Wall Street

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 18 de setembro de 2011 as 12:31, por: cdb

Centenas de norte-americanos manifestaram-se neste sábado e tentaram ocupar Wall Street, com o objectivo de lá acampar. A polícia não permitiu a ocupação, dispersando os manifestantes e bloqueando os acessos à Bolsa de Nova Iorque.Artigo |18 Setembro, 2011 – 19:14Manifestantes em Wall Street, 17 de Setembro de 2011 – Foto Carwil/Flickr

Os manifestantes reponderam a um apelo (OccupyWallStreet) para ocupar pacificamente Wall Street, em protesto contra as injustiças do sistema económico e político.

Os manifestantes, que se concentraram às 12 horas de sábado 17 de Setembro, assinalavam num panfleto: “Como os nossos irmãos e irmãs no Egipto, Grécia, Espanha e Islândia, planeamos usar a táctica revolucionária de ocupação massiva da primavera árabe para restaurar a democracia nos Estados Unidos”.

A iniciativa foi iniciada por activistas anónimos através da internet, teve o apoio da revista canadiana Adbuster e do grupo Anonymus, e foi transmitida pela internet.

Segundo os organizadores, o protesto é uma reacção aos lucros garantidos das pessoas que acumulam maiores riquezas no país e que “estão isentos de impostos”. Na declaração de intenções é referido “O que temos em comum é que pertencemos aos 99% de pessoas que não toleram a ganância e a corrupção do outro 1%”.

A organização planeia realizar concentrações noutros pontos dos Estados Unidos, a primeira das quais em Washington a 6 de Outubro.

Comments are closed.