Prosperidade e humanização são citados em missa no Santuário do Valongo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 26 de janeiro de 2012 as 17:26, por: cdb

Mensagens de paz, prosperidade e humanização marcaram a missa em homenagem aos 466 anos de Santos, realizada nesta quinta-feira (26), pela primeira vez no Santuário do Valongo, no Centro Histórico. A cerimônia, celebrada por frei André Becker, foi especial: celebrou também os 372 anos de fundação da igreja e 25 anos de elevação categoria de santuário, com direito a bolo e parabéns entoado por autoridades e fiéis que lotaram o templo, fundado em 1640.

Frei André disse que o Valongo e município caminham juntos. “O santuário acompanhou a trajetória de construção da cidade e da comunidade que aqui cresceu. Viu seu auge com o café e o porto, e sua expansão em direção à praia. Hoje, vislumbramos o rejuvenescimento do Centro, com a construção do Museu Pelé, novas instalações da Petrobras e tantos outros projetos”.

O prefeito João Paulo Tavares Papa disse que o Santuário do Valongo foi a primeira inspiração no processo de revitalização do Centro Histórico e destacou Santos. “É uma cidade que nunca fugiu à luta e preserva o que há de melhor. Mas, olha para frente com otimismo. Estamos em desenvolvimento e não podemos nos descuidar da humanização”. O vigário-geral da Diocese de Santos, padre Élcio Miranda, representou o bispo diocesano, dom Jacyr Francisco Braido.