Promotora vai denunciar mãe adotiva de Pedrinho por sequestro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 21 de novembro de 2002 as 23:39, por: cdb

A promotora de Justiça Ana Cláudia Melo vai denunciar Vilma Martins Costa, mãe de criação de Osvaldo Martins Borges Júnior, conhecido por Pedrinho, por sequestro qualificado, registro falso e outros agravantes. Se for condenada, Vilma poderá pegar entre cinco e seis anos de cadeia.

A denúncia da promotoria será entregue amanhã ao Tribunal de Justiça do Distrito Federal. O crime será julgado pela 8ª Vara Criminal de Brasília.

Os agravantes cometidos no crime de seqüestro são motivo torpe (sequestro para assegurar o casamento com o pai adotivo de Pedrinho e crime praticado contra a criança mediante simulação).

Após o recebimento da denúncia, Vilma será interrogada em Goiás. A denúncia foi redigida por três promotores do Ministério Público do Distrito Federal: Ana Cláudia Melo, Cláudia Chagas e Diaulas Ribeiro.

O promotor Ribeiro foi o primeiro a considerar que o crime não estava prescrito porque o prazo começa a contar ao final do sequestro, ou seja, no dia em saiu o resultado do exame de DNA de Pedrinho, em 7 de novembro de 2002.