Produção industrial no Brasil apresenta sexta alta consecutiva

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 9 de janeiro de 2003 as 23:37, por: cdb

Com um avanço de 0,5 por cento em novembro, a produção industrial no Brasil apresentou alta pelo sexto mês consecutivo em 2002, segundo pesquisa divulgada nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O índice já considera as influências sazonais e, na comparação com novembro de 2001, apresenta uma alta ainda maior: 4,6 por cento.

Os indicadores acumulados registraram crescimentos de 2,1 por cento, de janeiro a novembro, e de 1,4 por cento nos últimos 12 meses.

Os índices de novembro de 2002 mantiveram a trajetória positiva da produção industrial, tanto nas comparações contra iguais períodos de 2001, como frente aos meses anteriores dentro do próprio ano.

Enquanto os segmentos de petróleo e derivados, agroindústria e setores tipicamente exportadores mantiveram-se como as principais influências positivas para o desempenho global da indústria, houve sinais de recuperação em setores da indústria que dependem mais da demanda interna.

Na comparação com novembro de 2001, 12 ramos apresentaram crescimento, sendo que os de maior impacto sobre o resultado total da indústria foram, por ordem de importância: mecânica (20,4 por cento), metalúrgica (11,9 por cento), material de transporte (14,8 por cento) e química (3,7 por cento).