Probabilidade de vida extraterrestre em volta de estrela de meia-idade é maior

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 9 de outubro de 2003 as 00:14, por: cdb

Se a vida extraterrestre realmente existir, é mais provável que ela exista no sistema em volta de uma estrela de meia-idade na constelação de Gêmeos, de acordo com uma cientista americana.

A astrobióloga Maggie Turnbull, da Universidade do Arizona, em Tucson, compilou uma lista de 30 planetas possíveis de ser habitados, e uma estrela chamada 37 Gem está  no topo da lista.

– Essa estrela estável, de meia-idade, é só um pouco mais quente e mais forte que nosso Sol. E, se há vida alienígena em algum lugar, é provável que seja lá – disse ela à revista New Scientist nesta quarta-feira.

A lista foi feita para o Localizador de Planetas Terrestres (Terrestrial Planet Finder – TPF), da Nasa, projeto lançado há cerca de dez anos de um telescópio espacial para procurar planetas habitáveis.

A quantidade de metal pesado presente na formação da estrela e sua idade foram critérios importantes para Turnbull. A Gem 37, 37ª estrela mais forte da constelação de Gêmeos, foi a preferida porque é a mais parecida com o nosso sol.

– Quanto melhor observamos, mais vemos como as outras estrelas são diferentes do sol – disse Turnbull.