Prisioneiro condenado à morte se suicida nos EUA

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 20 de outubro de 2006 as 12:37, por: cdb

Condenado à pena capital nos Estados Unidos, que seria executado na noite desta quinta-feira em uma prisão do Texas,  Michael Johnson, de 29 anos, se suicidou horas antes, informaram as autoridades penitenciárias do Estado. Ele se dizia inocente. O prisioneiro foi encontrado em sua cela da prisão de Huntsville sobre uma poça de sangue, após cortar sua veia jugular e uma artéria do braço direito com um pedaço de metal.

Antes de morrer, o jovem escreveu na parede com o próprio sangue a seguinte frase:

– Não fui eu.

Johnson foi condenado à morte pelo assassinato de um empregado de um posto de gasolina, em 1995. A TV local KWTX informou que Johnson foi levado a um hospital, onde foi declarado morto às 18h local, na hora exata em que deveria ter sido executado.