Primeiro Emprego destinará mais recursos para o Paraná

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 3 de fevereiro de 2005 as 17:30, por: cdb

O governo federal irá destinar mais verbas ao programa Primeiro Emprego no Paraná este ano. Segundo o secretário do Trabalho, Emprego e Promoção Social, Padre Roque Zimmermann, o anúncio será feito em março.

– Após negociações desta Secretaria com o Consórcio Social da Juventude, o programa vai receber R$ 2 bilhões do governo federal e mais R$ 2 bilhões de contrapartida do governo estadual para o atendimento inicial de cerca de 2 mil jovens paranaenses 1 adianta o secretário.

Os recursos serão utilizados na qualificação profissional desses jovens. Metade das verbas vai contemplar a região metropolitana de Curitiba e o restante irá para municípios do interior do estado. Na Agência do Trabalhador de Curitiba, 800 vagas foram abertas para capacitar jovens.Cada curso tem duração de cinco meses, com uma carga horária de 400 horas. Durante o período do curso, os alunos recebem ajuda de custo.

Podem participar do programa Primeiro Emprego jovens de 16 a 24 anos, com renda familiar per capita de até meio salário mínimo, sendo que 70% das vagas são destinadas àqueles com ensino fundamental ou médio incompletos. Freqüentar a escola é um dos pré-requisitos também. O valor do incentivo dado as empresas que contratarem esses jovens é de R$ 1.500 por ano por vaga criada, pagos em seis parcelas bimestrais de R$ 250. O tempo mínimo de emprego é de doze meses. É exigido da empresa participante que no máximo 20% de seu quadro de pessoal seja preenchido por meio do programa. Para as empresas com quatro ou menos empregados, o limite é de um jovem.