Presos 56 estrangeiros por pedofilia em NY

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 29 de outubro de 2003 as 23:24, por: cdb

Um grupo de 56 estrangeiros, incluindo vários latino-americanos, foi preso nesta quarta-feira sob suspeita de pedofilia por agentes federais em Nova York e no estado vizinho de Nova Jersey.

– Mais de 200 agentes do Serviço de Imigração e de Aduanas (ICE) começaram as detenções antes do amanhecer nas cidades de Nova York, Newark e Jersey City – explicou Asa Hutchinson, subsecretário de Segurança Fronteiriça e de Transportes do Departamento de Segurança Interna. “Trabalhamos dia e noite para identificar pedófilos e tirá-los de nossos bairros”, acrescentou.

As detenções fazem parte de um dispositivo do ICE chamado de Operação Predador, que investiga pedófilos, internautas, traficantes de pessoas e turistas sexuais internacionais.

Os detidos desta quarta são de 25 nacionalidades, incluindo cidadãos da Espanha, Argentina, Guatemala, Colômbia, Cuba, Dominicana, Costa Rica, El Salvador, Honduras, México, Panamá e Peru.

Os alvos da operação são norte-americanos suspeitos de pedofilia, assim como estrangeiros cujos crimes os tornam suscetíveis de serem expulsos e que, em muitos casos, já foram condenados e, agora, são procurados para deportação.

Desde que a operação foi lançada, em julho de 2003, o ICE deteve 1.300 pessoas no país. “Nunca foram retirados das ruas dos Estados Unidos tantos criminosos sexuais em tão pouco tempo”, disse o subsecretário do ICE, Michael Garcia.

Os detidos foram levados para diversos centros de detenção, de onde serão expulsos do país.