Prefeitura faz neste domingo o 1º Passeio Ciclístico de Mogi das Cruzes – Parque a Parque

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 1 de março de 2012 as 14:37, por: cdb

A Prefeitura de Mogi das Cruzes promoverá neste domingo (04/03), a partir das 9 horas, o 1º Passeio Ciclístico de Mogi das Cruzes – Parque a Parque. O evento, que tem por objetivo oferecer uma atividade de lazer e entretenimento, aliada à prática do exercício físico para a família mogiana, partirá do parque Botyra Camorim Gatti – a concentração e aquecimento serão às 8 horas – seguirá até o Parque Centenário, passando pelo Centro da cidade, e depois retornará ao Botyra, num total de 7 quilômetros.

Confira aqui os mapas do percurso

O passeio é totalmente gratuito e dispensa inscrições. Assim, quem tiver vontade de participar precisa apenas comparecer ao Parque Botyra Camorim Gatti neste domingo, a partir das 8 horas, com sua bicicleta. “O nosso único pedido é para que as pessoas cheguem na hora, pois vamos sair em comboio e haverá interdição parcial das ruas por onde passarmos, então é importante que todos estejam juntos no momento da partida”, declara o secretário-adjunto de Esportes e Lazer, Carlos Frederico Abib.

As interdições serão parciais; isto é, as vias ficarão interditadas enquanto os ciclistas estiverem passando, mas serão liberadas na sequencia. A operação será garantida por 15 agentes de fiscalização de trânsito, que terão o apoio da Secretaria Municipal de Segurança, por meio da Guarda Municipal, e da Polícia Militar. Ao todo, será uma equipe de 25 homens que estarão ali para assegurar a tranquilidade do evento.

“É esse grupo que fará o balizamento do comboio, tanto na frente, como nas laterais e na retaguarda”, destaca o secretário municipal de Transportes, Carlos Nakaharada, ao lembrar que, a partir desta sexta-feira (01/03), serão colocadas faixas de aviso sobre as interdições em vários pontos da cidade. “Vamos comunicar os motoristas para que eles já se preparem, mas não acredito que haverá grandes transtornos para o trânsito, porque as interdições serão parciais e nos preparamos de modo a causar o menor impacto possível”, complementa Nakaharada.

A Prefeitura disponibilizará também ambulância para atendimento de emergências e pontos de hidratação, garantidos pelo Semae. Os participantes poderão ainda apreciar uma apresentação musical no Parque Centenário e outra no Botyra Camorim Gatti, ao final do percurso.

“Esperamos a participação de pelo menos 500 pessoas. Nosso objetivo maior é oferecer uma atividade bacana, com segurança e conforto para a família mogiana. Não é um passeio voltado exclusivamente para ciclistas profissionais; é algo para todo mundo”, acrescenta Abib.

O trajeto tem 5 km na ida e 2 km na volta. Após a saída do parque Botyra Camorim Gatti, o comboio passará pelas ruas Professor Álvaro Pavan, Olegário Paiva, Navajas, Dr. Antônio Cândido Vieira, Major Pinheiro Franco, Presidente Rodrigues Alves, Professor Flaviano de Melo, Dr. Corrêa, Major Pinheiro Franco, novamente Olegário Paiva, passagem subterrânea Engenheiro Oswaldo Crespo de Abreu, avenida Francisco Rodrigues Filho e Parque Centenário.

Já na volta, os participantes sairão do Parque Centenário e pedalarão pelas avenidas Francisco Rodrigues Filho, Manoel Bezerra de Lima Filho, rua Professor Álvaro Pavan e, finalmente, parque Botyra Camorim Gatti.

Mais informações sobre o 1º Passeio Ciclístico de Mogi das Cruzes Parque a Parque podem ser obtidas pelo telefone 4798-5167.

Avenida Cívica

Pensando no aumento do interesse pelo ciclismo, que foi identificado especialmente após a realização da 75ª edição dos Jogos Abertos do Interior, a Prefeitura passará a fechar a avenida Cívica toda terça e quinta-feira à noite, a partir do dia 6 de março, para que grupos de ciclistas façam seus treinamentos.

“Temos um grupo grande de ciclistas que costuma treinar à noite da avenida Yoshiteru Onishi, sem a segurança que desejamos, pois lá eles convivem com o trânsito normal, muitas vezes de caminhões. Na avenida Cívica eles terão toda a via liberada para treinamento, com total segurança, além de terem o apoio ali também do Ginásio Municipal, onde podem beber água, usar o banheiro”, conclui o secretário-adjunto de Esportes e Lazer, Carlos Frederico Abib. (LMS)