Prefeitura e governo investem R$ 2,4 milhões na Vila Pantanal

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 27 de março de 2012 as 13:44, por: cdb

A Prefeitura de Curitiba e o governo do Estado vão investir R$ 2,4 milhões em obras de pavimentação e saneamento na Vila Pantanal, no Uberaba. O anúncio foi feito pelo prefeito Luciano Ducci, durante a assinatura do início das obras de ampliação da rede de esgoto pela Sanepar. As obras vão atender mais de 600 famílias da região.

“Nos últimos cinco anos, a Prefeitura está fazendo uma grande transformação na Vila Pantanal, com a construção de casas e equipamentos públicos que estão atendendo as famílias e melhorando a qualidade de vida”, disse o prefeito em encontro com moradores, na quadra coberta da Escola Municipal Arnaldo Alves da Cruz.

Neste período, a Prefeitura entregou o Centro Municipal de Educação Infantil Pantanal, Escola Municipal Arnaldo Alves Cruz e a Unidade de Saúde Pantanal.

“Foi uma luta da comunidade em parceria com a Prefeitura. Agora nesta luta está o governo do Estado, que se tornou um grande parceiro da Prefeitura de Curitiba”, disse a secretária estadual da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, que anunciou em abril uma Páscoa especial para as crianças.

Pavimentação – A Companhia de Habitação de Curitiba vai investir R$ 1,044 milhão na pavimentação de ruas e também em obras de drenagem e terraplenagem de uma área de 40 mil metros quadrados, onde serão construídas casas populares. A pavimentação será feita na primeira etapa do conjunto habitacional Moradias pantanal, onde já vivem 165 famílias.

Além da pavimentação, o prefeito anunciou que em maio será feita a licitação da construção de mais 174 casas, que vão abrigar famílias que serão retiradas da beira do rio.

Saneamento – A outra melhoria na região é a construção de rede de esgoto que vai atender, nesta primeira etapa, 285 residências, evitando o despejo de dejetos no rio Iguaçu. O diretor-presidente da Sanepar, Fernando Ghignone disse que a obra vai beneficiar 1.140 moradores da região.

“Serão investidos R$ 1,4 milhão para construção de uma Estação Elevatória de Esgoto. São obras que trazem saúde e qualidade de vida para as famílias”, disse.

Na região, 250 famílias já são atendidas pela Sanepar com Tarifa Social, pela qual pagam apenas R$ 5,80 pelo consumo de até 10 mil litros de água por mês.