Prefeitura e entidades fazem balanço final das doações

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 26 de janeiro de 2012 as 15:44, por: cdb

Na noite de ontem (25), a Prefeitura e entidades de Valadares se reuniram novamente na Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) para fazer o balanço final dos donativos arrecadados durante a campanha emergencial de apoio às vítimas das chuvas.

De acordo com levantamento feito pela Secretaria Municipal de Assistência Social, até o momento, 2447 famílias foram atendidas (entre desalojados e desabrigados), perfazendo um total de 6.084 pessoas. “Conseguimos mobilizar diversas entidades e boa parte da sociedade, mostrando que somos capazes de aglutinar forças. Valadares mostrou o quanto é solidária e está de parabéns pela mobilização”, afirmou o secretário de Assistência Social, Jaime Luiz Rodrigues Júnior.

Números

Hoje (26) pela manhã, a Vale entregou duas toneladas e meia de alimentos, três camas e dois guarda-roupas.

Na terça (24) foi a vez da empresa de Call Center AeC enviar a Valadares cinco toneladas de alimentos e material de limpeza arrecadados em Montes Claros.

Houve, ainda, a doação de 500 colchões feita pela Fiemg e de 25 cestas básicas, roupas e calçados feita pelo Sindicato dos Bancários. O Sesc também contribuiu com 600 quilos de alimentos.

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) arrecadou mil e quinhentos quilos de alimentos e o mesmo valor em dinheiro, que será utilizado para comprar o que ainda for necessário. Conseguiram, também, duzentos quilos de roupas.

Já o Sindicato Rural comprou 50 colchões. O Sindicato do Comércio (Sindicom), por sua vez, arrecadou sete mil e quinhentos litros de chá.

A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), juntamente com os Sindicatos Patronais, conseguiram 134 cestas básicas e 134 kits de material de limpeza. A Fiemg, em parceria com o SESI, adquiriu 500 colchões. A Loja Maçônica Lauro Sodré doou 50 cestas básicas e mais 30 kits de limpeza. As Massas Periquito doaram 300 quilos de macarrão. A Maçonaria arrecadou, ainda, 48 caixas de leite e 14 cestas básicas. A Polícia Militar e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) ainda não contabilizaram os donativos.