Prédio incendiado deve ser demolido no Recife

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 19 de novembro de 2003 as 00:00, por: cdb

Uma reunião nesta segunda-feira pela manhã decidiu preliminarmente pela demolição do prédio comercial de três andares do bairro de São José, no Centro do Recife, que sofreu um incêndio durante toda segunda-feira.

Participaram da decisão representantes da Defesa Civil, da Diretoria Geral de Coordenação e Controle Urbano Ambiental (Dircon), Bombeiros, Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), Departamento de Preservação de Sítios Históricos da URB, além da proprietária do imóvel.

Após mais de 30 horas de incêndio, ainda com chamas e muita fumaça, os técnicos não puderam vistoriar completamente a área.

Apesar disso, eles concluíram que, pelo menos a fachada e as laterais do imóvel onde funcionava a loja Amazonas, que vendia espumas, plásticos e borracha, precisam ser demolidas em função do risco iminente de desabamento, o que pode causar danos à estrutura dos prédios vizinhos que compõem o sítio histórico do Pátio do Terço e acidentes com pedestres que circulam pela rua Vidal de Negreiros, onde ocorreu o incidente.

De acordo com a diretora executiva da Comissão de Defesa Civil do Recife (Codecir), Nina Celeste Macário, o laudo oficial indicando a demolição parcial do imóvel deverá sair nesta quarta-feira.

Caso confirme a demolição, o processo administrativo para a derrubada será abreviado devido à situação de urgência. Demolir completamente, ou não, será decidido após nova vistoria técnica que será feita no interior do prédio, quando não mais houver chamas nem brasas.