Preço do petróleo sobe após ataques na Nigéria

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 21 de dezembro de 2005 as 14:54, por: cdb

Os preços do petróleo avançavam nesta quarta-feira em função do ataque ao oleoduto na Nigéria que suspendeu parte do abastecimento da região. Também pesa sobre o mercado a previsão de queda dos estoques americanos. Os contratos do cru americano para entrega em fevereiro subiam US$ 0,26, para US$ 58,35. O Brent, em Londres, ganhava US$ 0,26, cotado a US$ 56,43.

Na véspera, o petróleo WTI americano subiu US$ 0,64, assim que autoridades da Nigéria disseram que homens armados não identificados eram suspeitos do ataque a um oleoduto operado pela Shell. O ataque reduziu em 7% a produção do oitavo maior exportador do mundo.

– As notícias nigerianas provocaram um efeito muito grande sobre as cotações. Não que a redução da perda na produção fosse inesperada, mas as manchetes sobre homens armados atacando o oleoduto causaram nervosismo no mercado – disse uma analista.

A Royal Dutch Shell, que opera o oleduto, disse que suspendeu a produção em duas jazidas e que reduziu a produção em 170 mil barris por dia. Os preços também sofrem a influência de uma expectativa de queda dos estoques americanos em pelo menos 1 milhão de barris.