Polícia saudita tenta impedir protestos pró-reformas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 23 de outubro de 2003 as 22:37, por: cdb

A polícia saudita bloqueou ruas na capital Riad e em outras cidades nesta quinta-feira para impedir manifestações que pedem reformas políticas, disseram testemunhas.

A polícia filmou pedestres perto de uma mesquita na cidade portuária de Jeddah, considerada um ponto de encontro, e veículos de segurança foram deslocados para o centro da cidade, afirmaram. Investigadores foram vistos na área, anotando números de placas de carros.

As manifestações são raras na Arábia Saudita, uma monarquia absolutista que no início do mês anunciou que promoverá suas primeiras eleições, no ano que vem, para as câmaras municipais.

A televisão por satélite Al Arabiya, citando uma autoridade de segurança do país, disse que 30 pessoas foram presas em Jeddah. A TV estatal afirmou que havia um “número limitado” de pessoas nos três protestos, na maioria curiosos.

– Isto foi a coisa mais excitante que já aconteceu aqui. Para cada pessoa que tentava se manifestar, havia milhares que teriam a ela se juntado se não houvesse polícia – disse um estudante de Jeddah que se identificou como Mohammed al-Haribi.

Autoridades sauditas informaram ter prendido mais de 270 pessoas em um protesto em Riad na semana passada. O reino saudita, onde nasceu o líder da Al-Qaeda, Osama bin Laden, tem prendido vários ativistas, principalmente depois de 35 pessoas terem sido mortas por bombas em Riad.