Polícia Federal descobre mais um ‘laranja’

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 26 de outubro de 2006 as 20:22, por: cdb

A Polícia Federal descobriu, nesta quinta-feira, mais uma pista importante sobre o caso do dossiê que teria sido comprado pelo PT para incriminar políticos tucanos. Neste momento, em Varginha, Minas Gerais, o deputado da PF na cidade, William Nascimento Santos, está ouvindo um homem chamado Aguinaldo, que serviria também como “laranja” no caso do dossiê Vedoin.

De acordo com Santos, que não informou o sobrenome do depoente, ele teria levado para o hotel Ibis, em São Paulo, a quantia de R$ 250 mil a mando, segundo o mesmo, “do patrão dele”. Aguinaldo mora em Pouso Alegre, cidade localizada também ao sul de Minas, onde o saque teria sido feito.

No dia 15 de setembro, foram presos no hotel Gedimar Passos e Valdebran Padilha. Os dois estavam com R$ 1,7 milhão, dinheiro que supostamente serviria para a compra do dossiê.