PF conclui inquérito sobre caso Chang e indicia 12 pessoas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 26 de setembro de 2003 as 19:40, por: cdb

A Superintendência da Polícia Federal do Rio de Janeiro concluiu o inquérito sobre a morte do comerciante chinês Chan Kim Chang. Doze pessoas foram indiciadas, entre elas, o então diretor do Presídio Ary Franco, onde Chang foi espancado. De acordo com a Globonews, foi descartada a versão de autolesão por parte do preso e também que o espancamento tenha sido motivado por possível extorsão.