Pesquisa mostra que jovens britânicos alertas sobre câncer de pele

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 31 de março de 2004 as 04:13, por: cdb

O câncer de pele pode ser transformar em uma bomba-relógio na Grã-Bretanha, disseram cientistas na última terça-feira. De acordo com os pesquisadores, a maioria dos jovens do país ignora os alertas sobre a exposição ao sol, apesar de os casos de melanoma, o tipo mais letal da doença, terem crescido 24% em cinco anos.

– Setenta por cento dos jovens ainda buscam um bronzeado quando saem de férias – disse Charlotte Proby, dermatologista da entidade Cancer Research UK.

De acordo com uma nova pesquisa, a pele dos jovens é particularmente vulnerável aos raios ultravioleta do sol, que causam o câncer, mas adolescentes e adultos não estão tomando precauções.

– Se os jovens não mudarem seus hábitos e aprenderem a se proteger adequadamente do sol estaremos nos encaminhando para uma bomba-relógio do câncer de pele – afirmou Proby.

A pesquisa, feita com 1.800 pessoas, mostrou que as mulheres jovens são mais propensas a tomarem sol nas férias e menos inclinadas a se protegerem. Menos de 10% dos entrevistados citaram prestar atenção a mudanças em sinais na pele e evitar a exposição excessiva ao sol como medidas contra a doença.