Pequim quer voluntários que falem chinês

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 7 de março de 2007 as 12:06, por: cdb

O Comitê Organizador de Pequim 2008 (Bocog) começará no fim deste mês a recrutar voluntários de todo o mundo, mas exigirá que eles tenham um mínimo de conhecimento do idioma chinês para poderem se comunicar com a organização.

– Damos as boas-vindas aos voluntários estrangeiros que queiram se unir a nós, mas devem saber alguma coisa de chinês e poder falar conosco na língua – disse Li Binghua, vice-presidente executivo do Bocog.

A campanha de recrutamento será apoiada pelas embaixadas chinesas, que se encarregarão de receber as inscrições.

O Bocog já recebeu mais de 350 mil solicitações para cobrir as 100 mil vagas de voluntários.